Atualizado em 08 de agosto de 2018

Palavras-chave
Conversaciones
País

Argentinaargentina-aspect-ratio-276x276

Ação

Curadoria

Exibida em Buenos Aires, a exposição Memória dos Brasileiros também pode ser vista online

Museu-da-Pessoa-936

Projeto premiado por Ibermuseus na Convocatória Conversaciones, a mostra Memoria de los Brasileños está sendo exibida no Centro Cultural Borges, em Buenos Aires, até o dia 2 de setembro de 2018. A exposição, formada com parte do acervo do Museu da Pessoa, resgata e valoriza a história de cada indivíduo como parte de uma construção coletiva da memória social, como caráter integrador entre os povos.

Memoria de los brasileños se apodera da tecnologia, oferecendo possibilidades de aproximação, conexão e reconhecimento de realidades e diálogos em territórios alternativos graças à sua apresentação por meio de vídeos. Esse modelo permite que a mostra esteja disponível para qualquer pessoa, e não apenas para os que podem visitá-la em Buenos Aires, através da exposição virtual www.museudapessoa.net/pt/memoria-de-los-brasilenos/.

A exposição apresenta um retrato do Brasil a partir da leitura do acervo do Museu da Pessoa. O conteúdo foi organizado originalmente para uma exposição no Museo de la Civilización de Quebec, Canadá, em 2016. As obras expostas são uma compilação de histórias reunidas em cinco núcleos temáticos: Saberes e Fazeres, Contemporaneidade, Transformação, Conflitos e Narradores.

O Museu da Pessoa, localizado na cidade de São Paulo, Brasil, é um museu virtual e colaborativo que reuniu ao longo dos últimos 25 anos um acervo que preserva e difunde a memória oral do povo brasileiro por meio de mais de 17 mil histórias de vida em vídeos, textos ou áudios, além de mais de 60 mil imagens.

A Convocatória Conversaciones do Programa Ibermuseus tem o objetivo de fomentar a circulação de acervos e exposições entre países da Comunidade Ibero-americana. Em sua 4ª edição, apresentou em 2017, pela primeira vez, um tema específico: Museus e Comunidades.  O recorte temático foi criado para evidenciar as relações entre museus ou processos museais e suas comunidades, considerando que os museus são instituições dinâmicas, vivas e de encontro intercultural, espaços que trabalham com o poder da memória e ferramentas adequadas para estimular o respeito à diversidade cultural e natural e valorizar os laços de coesão social das comunidades e sua relação com o meio-ambiente.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Projeto premiado por Ibermuseus, a exposição Memoria de los Brasileños chega a Buenos Aires

Você está utilizando um navegador desatualizado. Por favor atualize seu navegador para visualizar corretamente este site.