Atualizado em 16 de maio de 2016

Palavras-chave
Notícias, Situação de Risco
Ação

Patrimônio

Ibermuseus apoia recuperação de bens musealizados no Brasil e no Equador

RV_feat

O Comitê Intergovernamental do Programa Ibermuseus realizou ontem (10/5), sua primeira reunião sob a presidência do México, assumida em janeiro deste ano por Magdalena Zavala Bonachea, coordenadora Nacional de Artes Visuais do Instituto Nacional de Belas Artes (INBA).

Dentre os temas em pauta, a presidente e os representantes da Argentina, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Espanha, México, Paraguai, Peru, Portugal e Uruguai, além da Secretaria Geral Ibero-Americana (Segib), Organização dos Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) e a Unidade Técnica, aprovaram as solicitações de apoio à recuperação dos bens musealizados afetados pelo terremoto no Equador (o Museu de Esmeraldas e três museus na região de Manabí), e pela tempestade ocorrida no Brasil, que afetou o Museu de São Miguel das Missões (Rio Grande do Sul).

“Com o voto de todos os membros, o Programa Ibermuseus, então, decide por direcionar US$ 5 mil para o Brasil e US$ 25 mil ao Equador para ajuda a recuperação dos museus afetados pelas tragédias ocorridas em abril deste ano”, confirma Magdalena Zavala.

O auxílio será concedido por meio do Fundo de Apoio ao Patrimônio Museológico em Situação de Risco, destinado a apoiar ações de assistência, socorro e proteção ao patrimônio museológico de regiões afetadas por inundações, terremotos, incêndios, conflitos bélicos, ameaças humanas e outras situações calamitosas que representem risco.

Durante o encontro virtual, os membros aprovaram ainda, a realização do Encontro Ibero-Americano de Museus na Costa Rica, em novembro de 2016 e celebraram a adesão da Bolívia e da Nicarágua ao Comitê Intergovernamental do Programa (anunciado pela Secretaria Geral Ibero-Americana), que passará a contar com 14 países membros.

Outras iniciativas em prol do fortalecimento dos museus da região; o Registro de Museus ibero-americanos; o 7º Prêmio de Educação e Museus; o Curso de Gestão de Coleções Museais: manejo e procedimentos básicos em matéria de conservação, digitalização e segurança, em colaboração com o Mercosul Cultural e a Unasul, a ser realizado de 23 a 27 de maio, em Montevidéu (Uruguai) e a aprovação dos relatórios de gestão e financeiro de 2015, apresentado pela Unidade Técnica e pela Organização dos Estados Ibero-Americanos, também fizeram parte dos assuntos em debate.

A próxima reunião do Comitê Intergovernamental do Programa Ibermuseus, desta vez presencial, será realizada em novembro deste ano, em San José, Costa Rica.

Você está utilizando um navegador desatualizado. Por favor atualize seu navegador para visualizar corretamente este site.